Descubra o valor de Ticket Médio Ideal na sua Oficina Automotiva!

Gestão e Administração de Oficina, Peças Online, Reparadores de Veículos, Setor de Compras

PDCA Oficinas e Funilarias : O pós vendas no setor de compras

Método utilizado por várias oficinas de funilaria e pintura e oficinas mecânicas, o PDCA (Plan, Do, Check, Act – Planejar, Executar, Checar, Agir) é um sistema que visa controlar todos os nichos da administração de uma oficina mecânica e/ou funilarias de maneira integrada (veja este artigo). Nesse post, vamos falar sobre a etapa do pós-compras. Depois de cotar, o comprador deve escolher a melhor compra (ver no outro post) e, no pós-compras, analisar diversos aspectos, como preço, prazo, condições de pagamento e se o vendedor é um bom vendedor.

Receba meus artigos sobre o setor de reparação automotiva em primeira mão!

Se você optou por um vendedor, você deve ter algum motivo para isso, não é mesmo? Entre esses motivos, pode estar à premissa de que o fornecedor realiza entregas rápidas ou oferece boas condições de pagamento etc. Portanto, o pós-compras funciona da seguinte forma: depois de realizar a sua compra, você precisa analisar se essa compra cumpriu com todas as suas expectativas; isto é, checar se o que assumiu-se como premissa de compra realmente ocorreu.

Dessa forma, é importante que, ao comprar peças, como parachoques, farol, radiador, peças originais, peças alternativas ou até mesmo peças online, você acompanhe gere um feedback interno com a sua opinião não apenas sobre os produtos, mas também em relação aos serviços do fornecedor/vendedor. Analise se as peças foram entregues dentro do prazo prometido, se a qualidade condiz com o anúncio, se são originais e, enfim, se atendem às premissas.

Além disso, é interessante verificar a proposta de outros fornecedores, pois a confiança que existe entre compradores e vendedores, muitas vezes, faz com que você perca boas oportunidades de comprar com fornecedores desconhecidos, que podem ser excelentes parceiros na cadeia de suprimentos da sua oficina. Portanto, quando a sua compra não cumpre com a expectativa, você deve, sim, procurar por fornecedores melhores e, também, dar o feedback com a sua opinião sobre o(s) produto(s) em questão.

Evite realizar novas compras com os vendedores que não cumprem com o que prometem. Outra dica importante deste PDCA para oficinas / PDCA para funilaria é acerca dos pedidos de fábrica. Nesse caso, você deve fazer um “follow-up”(acompanhamento) a fim de saber quando o pedido será entregue, pois muitos pedidos costumam ultrapassar os 30 a 60 dias. Para fazer isso, você pode utilizar uma agenda para lembrar ou um software/sistema que auxilie na gestão e no controle de peças que devem ser fornecidas. Muitos utilizam o Excel ou mesmo um papel que ajude a acompanhar estes pedidos.

  • Plan (Planejar) : Anotar e saber quais dias as peças devem ser entregues com as condições combinadas
  • Do (Fazer) : Nos dias das entregas deve-se analisar se as condições combinadas foram cumpridas (preços, prazos e condições de pagamentos)
  • Check (Checar) : Verificar se o que você tinha no planejamento foi cumprido por fornecedores
  • Act (Agir) : Verificar fornecedores que não são bons e avisar o vendedor afim do vendedor melhorar e saber que em caso de novos problemas não deverá mais confiar no fornecedor.

Este PDCA para oficina / PDCA para funilaria não recomenda que você compre peças online para a sua oficina. Pois, com esse processo à distância, perde-se a confiança e a parceria entre fornecedor e comprador. Assim sendo, o ideal é que você compre pela internet apenas quando você não encontra os produtos e peças (parachoque, farol, peças originais, peças alternativas, peças online etc.) que precisa para a oficina com os fornecedores que são de confiança e estão por perto.

Com as dicas desse post, você fica preparado para a etapa do pós-compras, que é fundamental para que a sua oficina / funilaria não saia perdendo e conte sempre com os melhores fornecedores do mercado!

Dúvidas, elogios e sugestões: deixe o seu comentário!

Receba os CONTEÚDOS EM PRIMEIRA MÃO DO  Blog da Cotexo 

sobre Rentabilidade NA REPARAÇÃO AUTOMOTIVA