Descubra o valor de Ticket Médio Ideal na sua Oficina Automotiva!

Gestão e Administração de Oficina, Peças Online, Reparadores de Veículos, Setor de Compras

Como utilizar o PDCA na troca de autopeças ?

Quando você realiza a compra de peças para a sua oficina, o ideal é que você não precise solicitar o serviço de trocas de autopeças. No entanto, receber produtos com defeitos ou peças erradas é algo que pode acontecer com todo mundo e, dessa forma, é essencial que você esteja preparado caso isso aconteça em sua empresa. Por isso mesmo, com esse PDCA para oficinas / PDCA para funilaria, o objetivo é preparar você para que saiba a melhor forma de lidar com trocas de autopeças do(s) fornecedor(es) para agilizar sua produção e entregar o veículo mais rápido.

Receba meus artigos sobre o setor de reparação automotiva em primeira mão!

Se você comprou peças, como parachoque, farol, peças originais, peças alternativas ou até mesmo peças online, entre outras opções, e recebeu produtos errados ou com defeito, o primeiro passo é ligar e formalizar que deseja realizar a troca dessas peças, sem esquecer de pedir as informações sobre os prazos. Se a troca não for efetuada dentro do prazo prometido pelo fornecedor, é essencial que você entre em contato, novamente, com esse vendedor e peça as devidas explicações.

 

Porém, há situações em que, mesmo assim, a troca não ocorre da forma prevista. Portanto, caso você não consiga resolver o problema depois de entrar em contato, novamente, com o vendedor, o indicado é que você envolva a gerência desse vendedor. Isto é, entre em contato com o responsável pela gestão da empresa fornecedora para resolver a troca dos seus produtos. Outra dica importante deste PDCA para oficinas / PDCA para funilaria é utilizar um software (sistema) que auxilie no processo de devoluções.

 

 

Com um bom software, você pode saber exatamente quando ligar e pedir ajuda, pois em muitos sistemas os vendedores, por serem qualificados, realizam um atendimento diferenciado aos clientes. No entanto, nenhuma dessas dicas vai adiantar caso você não tenha a Nota Fiscal (NF) de devolução dos produtos, pois é consenso entre os fornecedores de autopeças que os compradores apresentem o documento para efetuar as devidas trocas.

Para as demais dúvidas em relação à Política de Trocas e Devolução do(s) seu(s) fornecedor (es), o ideal é que você entre em contato com os vendedores que ajudam no pós-vendas, pois esse ainda é o melhor caminho para resolver o transtorno. Por isso mesmo, não indicamos que você compre peças (parachoque, farol, peças originais, peças alternativas etc.) através da internet. Pois, muitas vezes, a compra de peças online pode se tratar do famoso “barato que sai caro”, já que o pós-venda virtual geralmente é muito fraco.

Evite fazer compras pela web e recorra a esse recurso apenas depois de entrar em contato com fornecedores de confiança, mas não encontrar as peças que precisa em sua oficina. O pós-venda é uma etapa muito importante nessa área e, devido a essa característica, é fundamental que você tenha uma parceria de confiança com os seus fornecedores, pois eles devem oferecer auxílio em todas as etapas necessárias para que você não saia perdendo, ou tenha prejuízos, em uma compra mal sucedida.

Com as dicas desse PDCA para oficinas e funilaria, vai ficar muito mais fácil resolver o transtorno e realizar a troca de autopeças mais segura para a sua empresa!

Dúvidas, elogios e sugestões: deixe o seu comentário!

Receba os CONTEÚDOS EM PRIMEIRA MÃO DO  Blog da Cotexo 

sobre Rentabilidade NA REPARAÇÃO AUTOMOTIVA