Descubra o valor de Ticket Médio Ideal na sua Oficina Automotiva!

Como gerir melhor os funcionários de sua oficina ?
Gestão e Administração de Oficina, Mercado de Reparação Automotiva, Outros, Reparadores de Veículos, Setor de Compras

Como gerir melhor os funcionários de sua oficina ?

Praticamente todos os donos e gerentes de oficinas, seja oficina mecânica ou oficina de funilaria e pintura, dizem que é difícil lidar com os funcionários. Em outros segmentos, em geral, existe a mesma “reclamação” sobre a qualidade da mão de obra. Além de você conseguir achar a pessoa que é qualificada tecnicamente para contratar precisa encontrar a pessoa que enquadre-se na cultura e valores de sua empresa. Depois de uma lida neste artigo que trato mais sobre cultura da empresa.

Receba meus artigos sobre o setor de reparação automotiva em primeira mão!

A dificuldade é tão grande que já ouvi que a honestidade é uma qualidade quando deveria ser uma obrigação. Ser Honesto é o mínimo. Colocar a honestidade como uma valor na sua empresa pode ter um custo muito alto, pois por conta da honestidade sua oficina pode ter um colaborador que não agrega para o time e somente “dá dor de cabeça”. Assim minha sugestão é criar uma lista com os comportamentos (ou valores) que você valoriza. Alguns exemplos de comportamentos que podem ser valorizados são : Pró-atividade, boa comunicação, responsabilidade, comprometimento, vontade de crescer, etc.

Com a lista dos comportamentos que sua empresa valoriza em mãos fica mais fácil de conseguir identificar quais funcionários que devem ser mantidos e quais devem ser demitidos.

O principal desafio para criar uma excelente equipe em sua oficina é VOCÊ, dono ou gerente da oficina. É impossível cobrar de um funcionário que ele tenha compromisso se você não tem. A melhor forma de liderança é pelo exemplo. Você tem que entender que o comportamento da sua equipe tem relação com seu comportamento. Quando você identifica em um funcionário que ele esta fazendo algo errado é sua responsabilidade tratar a questão. É necessário que o funcionário entenda o que esta fazendo errado e as consequências para a empresa em fazer certo. Imagine que um funcionário sempre que receber uma peça jogue a peça em qualquer lugar sem cuidado. Ao identificar esta situação deve-se mostrar ao funcionário como fazer o certo (colocar separado no estoque) e mostrar que quando é feito o certo a oficina torna-se mais eficiente. Também deve mostrar que ao jogar a peça em qualquer lugar, além da oficina perder tempo a peça pode quebrar e é um prejuízo para oficina.

Além de identificar os problemas e dar o modelo correto do comportamento é muito importante que acompanhe para ver se o que passou como correto esta sendo feito. Faça um combinado com seu funcionário : “A partir de agora toda vez que chegar uma peça a mesma deve ser colocada no estoque, posso contar com sua com sua ajudar ? Ficou alguma dúvida como deve ser o procedimento aqui na oficina ? “. A partir do momento que identificou o problema, mostrou consequências negativas de fazer errado e combinou qual deve ser o procedimento correto você tem que garantir que o correto esteja sendo feito. Se após 1 ou 2 tentativas o funcionário não quiser entender o procedimento é importante mostrar novamente a importância e já falar que se continuar aquele problema terá que demitir.

Quando digo que o principal desafio é o dono da oficina ou gestor da oficina mudar é porque com uma orientação correta aos funcionários e consequências a própria equipe entende como deve trabalhar e assim fica mais fácil ter um time organizado e que trabalhe bem.

 

Dúvidas, elogios e sugestões: deixe o seu comentário!

Receba os CONTEÚDOS EM PRIMEIRA MÃO DO  Blog da Cotexo 

sobre Rentabilidade NA REPARAÇÃO AUTOMOTIVA