Monthly Archives: setembro 2016

6 dicas para ter uma oficina competitiva em tempos de crise

Todos fomos afetados pelos últimos tempos de crise econômica. Os hábitos de consumo mudaram, a queda na venda de veículos e aumento de oficina ilegais são alguns dos motivos que fazem com que sobre menos dinheiro no final do mês. Essa é a hora de olhar para dentro de casa e verificar os processos que podemos melhorar para ser mais eficiente.

Não adianta cruzar os braços e esperar que mais clientes apareçam. Abaixo há algumas dicas que você pode implementar já para ser mais competitivo, atrair e fidelizar clientes.

Image result for car repair

COMPETITIVIDADE NOS SERVIÇOS: seus clientes querem pagar pouco, as seguradoras pressionam para reduzir o custo dos sinistros. E o que podemos fazer para melhorar nossas margens? A primeira dica que damos envolve seu processo de compras de autopeças. Por força do hábito ou por desconhecimento, muitas oficinas seguem deixando muito dinheiro na mesa por comprar sempre com o mesmo fornecedor.
Assim como aconteceu em outros setores da economia, a Internet proporcionou mais transparência nas relações comerciais. Não existe mais razões para continuar com o mesmo processo de compras. Hoje existem ferramentas como a COTEXO que permite fazer cotações de peças online.

Uma mudança simples no seu processo já pode ter resultados significativos. Oficinas que migraram para a Cotexo conseguem economizar até 15% com as compras de peças online. Isso significa mais dinheiro no bolso.

 

FORMAÇÃO CONTÌNUA: Se seu objetivo é se manter forte no setor, capacite-se! Você e sua equipe necessita se atualizar com as novas tecnologias que o setor automotivo traz. Na internet há muita informação que podem ajudar a ganhar conhecimento.

 

DESENVOLVA NOVOS CANAIS DE COMUNICAÇÃO: Você ainda não tem uma presença online? Repense! Cada vez mais pessoas buscam os serviços online. Se ainda não tem uma página, seu concorrente tem e está um passo na sua frente. O investimento em uma página web é mínimo. Por exemplo, acesse aqui como criar um domínio e custa somente R$30,00 por ano. A página em si precisa somente de informações básicas como: serviços prestados, telefone e endereço.

Se quiser ter ainda mais presença online, faça um blog. Claro que requer mais tempo e dedicação, porém os resultados vem a longo prazo. O conteúdo deve ser com novidades e original para atrair usuários e melhorar seu posicionamento nas buscas do Google.

 

DIVULGUE SEU NEGÓCIO: Em tempos de crise é necessário reduzir os custos que se considera supérfluos. Porém, como diz o ditado “propaganda é a alma do negócio”. Panfletos, anúncios no Google, Facebook, outdoors, publicidade em rádio são algumas das formas de atrair mais clientes. Pense nos meios que podem lhe render melhores resultados.

 

RELAÇÕES COM SEGURADORAS: Cada vez mais as seguradoras são fontes de receita. Estreite a relação com as seguradoras, mostre organização na gestão dos sinistros.

 

TRABALHAR PARA SOBREVIVER: Potencialize o que lhe faz diferente dos seus concorrentes. Adapte-se às novidades do setor, entenda as demandas dos consumidores e mantenha uma atitude proativa.

 

Como utilizar o PDCA na troca de autopeças ?

Quando você realiza a compra de peças para a sua oficina, o ideal é que você não precise solicitar o serviço de trocas de autopeças. No entanto, receber produtos com defeitos ou peças erradas é algo que pode acontecer com todo mundo e, dessa forma, é essencial que você esteja preparado caso isso aconteça em sua empresa. Por isso mesmo, com esse PDCA para oficinas / PDCA para funilaria, o objetivo é preparar você para que saiba a melhor forma de lidar com trocas de autopeças do(s) fornecedor(es) para agilizar sua produção e entregar o veículo mais rápido.

Se você comprou peças, como parachoque, farol, peças originais, peças alternativas ou até mesmo peças online, entre outras opções, e recebeu produtos errados ou com defeito, o primeiro passo é ligar e formalizar que deseja realizar a troca dessas peças, sem esquecer de pedir as informações sobre os prazos. Se a troca não for efetuada dentro do prazo prometido pelo fornecedor, é essencial que você entre em contato, novamente, com esse vendedor e peça as devidas explicações.

 

Porém, há situações em que, mesmo assim, a troca não ocorre da forma prevista. Portanto, caso você não consiga resolver o problema depois de entrar em contato, novamente, com o vendedor, o indicado é que você envolva a gerência desse vendedor. Isto é, entre em contato com o responsável pela gestão da empresa fornecedora para resolver a troca dos seus produtos. Outra dica importante deste PDCA para oficinas / PDCA para funilaria é utilizar um software (sistema) que auxilie no processo de devoluções.

 

 

Com um bom software, você pode saber exatamente quando ligar e pedir ajuda, pois em muitos sistemas os vendedores, por serem qualificados, realizam um atendimento diferenciado aos clientes. No entanto, nenhuma dessas dicas vai adiantar caso você não tenha a Nota Fiscal (NF) de devolução dos produtos, pois é consenso entre os fornecedores de autopeças que os compradores apresentem o documento para efetuar as devidas trocas.

Para as demais dúvidas em relação à Política de Trocas e Devolução do(s) seu(s) fornecedor (es), o ideal é que você entre em contato com os vendedores que ajudam no pós-vendas, pois esse ainda é o melhor caminho para resolver o transtorno. Por isso mesmo, não indicamos que você compre peças (parachoque, farol, peças originais, peças alternativas etc.) através da internet. Pois, muitas vezes, a compra de peças online pode se tratar do famoso “barato que sai caro”, já que o pós-venda virtual geralmente é muito fraco.

Evite fazer compras pela web e recorra a esse recurso apenas depois de entrar em contato com fornecedores de confiança, mas não encontrar as peças que precisa em sua oficina. O pós-venda é uma etapa muito importante nessa área e, devido a essa característica, é fundamental que você tenha uma parceria de confiança com os seus fornecedores, pois eles devem oferecer auxílio em todas as etapas necessárias para que você não saia perdendo, ou tenha prejuízos, em uma compra mal sucedida.

Com as dicas desse PDCA para oficinas e funilaria, vai ficar muito mais fácil resolver o transtorno e realizar a troca de autopeças mais segura para a sua empresa!